92% dos turistas recomendariam o Rio a amigos e familiares

O Rio de Janeiro continua encantando os turistas que visitam a cidade maravilhosa. Essa foi a constatação de uma pesquisa encomendada pelo Ministério do Turismo e que ouviu mil brasileiros que visitavam o Rio entre os dias 15 e 20 de agosto deste ano. Segundo o levantamento, 92% desse público recomendariam a cidade a amigos e familiares. Quase 40% dos entrevistados visitavam a capital fluminense pela primeira vez. As praias, as belezas naturais, as opções de lazer e os atrativos turísticos foram apontados pelos entrevistados como as principais vantagens.

Quando questionados sobre desvantagens, os turistas citaram a violência, apesar de a ampla maioria deles (85,1%) nunca ter sido vítima de violência na cidade nem ter presenciado a ocorrência de algum crime (76,8%).

Os investimentos realizados no parque hoteleiro também já foram percebidos positivamente pelos visitantes. A quantidade de hotéis foi avaliada com nota 8.6 em uma escala de 0 a 10. Já a qualidade dos restaurantes ficou com nota 8.5; e a qualidade das opções de cultura e lazer ganhou nota 8.7.

Potenciais visitantes

O Ministério do Turismo encomendou também uma pesquisa para medir a imagem do turismo no Rio de Janeiro. Foram entrevistados 1.000 visitantes potenciais das cidades de São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Porto Alegre, capitais consideradas prioritárias dentro do plano de marketing da cidade do Rio de Janeiro (RioTur).

Cerca de 43% dos entrevistados nunca esteve no Rio de Janeiro. Porém, grande parte desses turistas (59,2%) tem interesse em conhecer a cidade e mais da metade (60%) já colocou o Rio na programação de viagens – visitarão a cidade maravilhosa em até um ano.

As praias, a beleza da cidade, o Cristo Redentor e a famosa Copacabana foram os motivos mais citados por aqueles que desejam conhecer a cidade. Por outro lado, daqueles que não desejam conhecer o Rio (18,4% dos entrevistados), a violência foi citada como o principal motivo.

“O Rio de Janeiro é o cartão-postal do turismo brasileiro. A cidade é a principal porta de entrada dos turistas que visitam nosso país a lazer e um dos principais destinos do mercado doméstico. Estamos trabalhando para atrair ainda mais turistas e ampliar a ocupação hoteleira da cidade”, afirmou o ministro do Turismo, Marx Beltrão.

Informações: Portal Brasil / Ministério do Turismo