Píer Mauá recebe turistas para as festas de fim de ano

Os primeiros navios da temporada de cruzeiros 2016 – 2017 já estão chegando ao Píer Mauá. A maior movimentação de navios acontece nas vésperas do Natal (24/12) e do Réveillon (31/12). Serão três embarcações em cada data aportando na cidade. Até abril, serão 80 dias de operação para receber 93 atracações. A previsão é de que, no período, mais de 350 mil turistas, entre passageiros e tripulantes, passem pelo terminal. Para o secretário de Turismo, Nilo Sergio Felix, os cruzeiros marítimos são uma das mais completas modalidades de lazer para os visitantes.

– Ao entrar no navio, os turistas não precisam se preocupar com embarques e desembarques em aeroportos, traslados e roteiros. O ambiente costuma oferecer grande estrutura de lazer e de serviços. É um importante segmento do Turismo, gerador de milhares de postos de trabalho e de renda para as cidades que recebem o enorme fluxo de passageiros transportados – disse o secretário.

No carnaval, entre 24 e 28 de fevereiro, haverá um número ainda maior de embarcações: serão sete navios, com os picos de atracação nos dias 26 e 27. Semanas depois, em março, será a vez do navio de luxo Le Soléal atracar na cidade do Rio de Janeiro. Com capacidade para 264 passageiros, essa é a primeira embarcação comercial no mundo a atravessar a rota marítima do norte – ligação entre o Atlântico Norte e o Oceano Pacífico.


Sistema sanitário atenderá navios

A maioria dos navios que chegam no Píer Mauá será atendida pelo novo sistema de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário do Píer Mauá, fruto de parceria com a Cedae. O equipamento, que começou a funcionar em julho, tem capacidade para retirar e transportar – por meio de um grande tubo coletor subterrâneo localizado na Avenida Rodrigues Alves – todo o esgoto produzido pelas embarcações. Segundo o diretor de Distribuição e Comercialização da Cedae, Marcello Motta, desde a instalação do sistema já foram direcionados à Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) do Caju mais de 11,1 milhões de litros de esgoto.

– Nossa expectativa é que evitemos que pelo menos 3/5 deste número sejam lançados pelos navios de dezembro deste ano a fevereiro de 2017 – explicou o diretor da Cedae. Também chamado de Eixo Sanitário, o sistema atende com água potável quatro embarcações de grande porte simultaneamente. Antes, os navios que atracavam ao Píer Mauá eram abastecidos por balsas pipa.

 

Informações: Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro