‘Casas dos países’ divulgam programação durante as Paralimpíadas

Sucesso durante a Olimpíada do Rio, as ‘Casas dos países’ estão de volta para as Paralimpíadas. As Casas da Alemanha, do Brasil, da Colômbia, da Grã-Bretanha, do Japão, do México e da Suíça foram reabertas na ontem (7) – algumas, como a da Suíça, permaneceram abertas desde Olimpíadas. Confira abaixo a programação das casas:

Casa temática da Alemanha montada no Posto 11, no Leblon (Foto: Káthia Mello/G1)
Casa temática da Alemanha montada no Posto 11, no Leblon (Foto: Káthia Mello/G1)

Alemanha
Após receber mais de 70 mil visitantes até o último dia da Olimpíada, a casa abre entre 7 e 11 de setembro, e depois entre os dias 15 a 18, das 14h30 às 21h30.

O projeto OliAle, promovido pelo Consulado Geral da Alemanha e pela Câmara de Comércio Brasil-Alemanha Rio de Janeiro, deixará como legado para a cidade o Pulsar, programa de capacitação para profissionais que treinam esportistas com deficiências.

O local terá eventos que envolvem arte, cultura, tecnologia, música, gastronomia típica, exposições, além de atividades esportivas e  transmissão ao vivo das competições. Haverá torneios, prêmios especiais e até workshop de cerveja artesanal.

Nome da casa: OliAle – Alemanha na Praia
Endereço: Praia do Leblon (Posto 11)
Datas e horários de funcionamento: de 7 a 18 setembro, de quinta a domingo, das 14h30 às 21h30.

Brasil
A Casa Brasil, que funciona diariamente até o dia 18 de setembro das 10h às 20h, oferece oficina de café e degustação de chocolate, cachaça e vinho.

O espaço de promoção do Brasil e referência do Governo Federal durante a realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, terá como objetivo fortalecer a imagem do país ressaltando o potencial turístico, cultural, esportivo e de negócios.

Haverá exibição de filmes do acervo do “Festival Assim Vivemos” nos dias 7 e 13 de setembro, no Auditório (Armazém 2) na Casa Brasil. Serão exibidos dez filmes de curta-metragem, produzidos no Brasil e em outros sete países (França, Estados Unidos, Alemanha, Itália, Suíça, Rússia e Polônia) e que retratam temáticas relacionadas às pessoas com deficiência. O material estará disponível com recursos de acessibilidade: audiodescrição, libras e legendas.

Nome da casa: Casa Brasil
Endereço: Avenida Rodrigues Alves, 10 – Prédio do antigo Touring e Armazéns 1 e 2 do Pier Mauá, Porto
Datas e horários de funcionamento: de 7 a 18 de setembro, das 10h às 20h.

Projeção da Casa Colômbia, no Centro (Foto: Reprodução / Rio2016)
Casa Colômbia, no Centro (Foto: Reprodução / Rio2016)

Colômbia
O espaço receberá atletas paralímpicos colombianos que conquistarem medalhas e oferecerá ao público degustação permanente de café do país, que é considerado um dos melhores do mundo. Apresentações de música típica também estão na programação.

A exposição interativa do Museu do Ouro e a mostra de peças do artesanato colombiano, com destaque para louças e cestaria, além de produtos colombianos comercializados para o Brasil, serão mantidas durante a Paralimpíada.

Nome da casa: Casa Colômbia
Endereço: Praça Marechal Âncora 95, Praça XI, Centro
Datas e horários de funcionamento: de 7 a 18 de setembro, das 10h às 20h.

Grã-Bretanha
A British House mudou de local para a Paralimpíada. Saiu do Parque Lage e foi para o Shopping Metropolitano, na Barra, bem próxima do Parque Olímpico.

A programação inclui agenda cultural com debates sobre os desafios da educação inclusiva, a força da mulher no esporte adaptado, o retrato que a mídia faz dos atletas paralímpicos e muitos outros. Já estão confirmadas as presenças do Conde de Wessex, Príncipe Edward, membro da Família Real Britânica e filho da Rainha Elizabeth II, e da ministra dos esportes do Reino Unido, Tracey Crouch.

Nome da casa: British House
Endereço: Shopping Metropolitano. Av. Embaixador Abelardo Bueno, 1300 – Barra da Tijuca.
Datas e horários de funcionamento: de 7 a 18 de setembro, das 9h às 22h.

A Casa do Japão
Casa Japão – Tóquio 2020, na Barra da Tijuca (Foto: Reprodução / Rio 2016)

Japão
A Casa Japão vai recepcionar os atletas e seus familiares e todos os visitantes que quiserem ter uma experiência da renomada Omotenashi — hospitalidade japonesa.

A lista de atrações inclui degustação da culinária japonesa, experiência de vídeo de 8K e tradições culturais.

Em uma área interativa da casa, o público pode acompanhar demonstrações da cerimônia do chá e pesca yo yo, muito popular em festivais no Japão, além da yukata (vestimenta japonesa de verão) e o shodo (arte da caligrafia japonesa).

Nome da casa: Casa Japão – Tóquio 2020
Endereço:  Cidade das Artes – Av. das Américas, 5300 – Barra da Tijuca
Datas e horários de funcionamento: de 7 a 18 de setembro, das 12h às 20h.

México
A Casa México vai apresentar três exposições: ‘A Magia do Sorriso’, uma amostra arqueológica que é uma alegoria para a felicidade; ‘Frida e Eu’, uma mostra interativa para crianças sobre a renomada pintora Frida Kahlo; e uma homenagem à história do desenho gráfico latino-americano dos Jogos Olímpicos em “América Latina, Jogos Olímpicos: México 68 – Rio 2016 ‘.

Haverá também um espaço para explorar as possibilidades de turismo no México.

Nome da casa: Casa México
Endereço: Museu Histórico Nacional – Praça Marechal Âncora, s/n – Centro
Datas e horários de funcionamento:  de 7 a 18 de setembro, das 12h às 20h.

Projeção da Casa Colômbia, no Centro (Foto: Reprodução / Rio2016)
Projeção da Casa Colômbia, no Centro (Foto: Reprodução / Rio2016)

Suíça
O Baixo Suíça conta com três casas e um parque ao ar livre situado à beira da Lagoa Rodrigo de Freitas. Entre as atividades estão uma pista de patinação de gelo sintético ao ar livre de 200 m², uma pista de corrida com o sistema de cronometragem e típicas atrações turísticas suíças, como uma gôndola giratória, um trem suíço e um globo de neve gigante. A área de alimentação oferece especialidades do país.

Nesta quinta (8), será realizado um ciclo de palestras com profissionais suíços e brasileiros sobre assuntos relacionados à tecnologia assistiva. O é gratuito e, para participar, os interessados devem se cadastrar neste link.

De sexta (9) a domingo (11), o espaço receberá seminários e uma exposição do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) sobre reabilitação física através do esporte. Ainda no domingo, a casa receberá o Ping-Pong Day, evento que contará com a participação de dois para-atletas (francês e suíço), que desafiarão o público em partidas de tênis de mesa.

Dias 12 e 17 de setembro, as equipes de basquete do Congo e do Afeganistão, respectivamente, estarão presentes mostrando como o Comitê Internacional da Cruz Vermelha usa o esporte para salvar vidas.

A programação cultural também tem o Swissando Jazz Trio com a apresentação de Manu Dibango (9), uma noite de karaokê (12), a taça Happy Lilly com um torneio de hóquei no gelo (14), uma festa LGBT (15), além de um workshop musical para crianças com Thomas Rohrer, musicista Suíço (17).

Nome da casa: Baixo Suíça 2016
Endereço: Campo de beisebol, na Lagoa Rodrigo de Freitas, na altura do Corte do Cantagalo.
Datas e horários de funcionamento: de 7 a 18 de setembro, das 10h às 23h.

PyeongChang 2018 (Coreia do Sul)
Os visitantes poderão visualizar e experimentar a atmosfera dos próximos Jogos Olímpicos de Inverno, que ocorrerão no condado sul-coreano.  Esportes de inverno poderão ser praticados por meio de realidade virtual. No palco exterior, de frente para a praia, tem degustação de comida coreana e performances como K-POP, Taekwondo, música clássica coreana e break-dancing.

Nome da casa: Casa PyeongChang
Endereço: Quiosque na Praia do Leme
Datas e horários de funcionamento:  de 7 até 18 de setembro, das 10h às 19h.

casa-de-pyeongchang-2018-1-1
Casa PyeongChang – Coréia do Sul, na praia do Leme (Foto: Reprodução/ Rio 2016)

Informações: Divulgação / Rio 2016