Pão de Açúcar: o doce encanto da Cidade Maravilhosa

cristopaomaracanaflamengo-04

Uma visita ao Pão de Açúcar proporciona uma visão panorâmica em 360º da Cidade Maravilhosa. Localizado no bairro da Urca, o teleférico liga a Praia Vermelha ao morro da Urca e ao morro do Pão de Açúcar.

O primeiro trecho, entre a Praia Vermelha e o Morro da Urca, foi inaugurado em 27 de outubro de 1922 – com extensão de 538 metros e 220 metros de altura. O segundo trecho possui extensão de 749 metros e 396 metros de altura; foi inaugurado em 18 de janeiro de 1913, completando a ligação até o pico do Pão de Açúcar. Até então, só existiam dois teleféricos no mundo: de Monte Ulia, na Espanha, com uma extensão de 280 metros construído em 1907 e o teleférico de Wetterhorn, na Suíça, com uma extensão de 560 metros, construído em 1908.

Paodeacucar2

Enseada de Botafogo vista do Pão de Açucar

Segundo o historiador Vieira Fazenda, o nome Pão de Açúcar foi dado pelos portugueses durante o apogeu do cultivo da cana-de-açúcar no Brasil (século XVI e XVII).

“O relevo granítico da montanha assemelhava-se à forma de barro em que se coagulava o caldo da cana nos engenhos.”
“O nome de Urca provém da semelhança que o morro apresenta com a alta popa de navios flamengos, chamados Urcas, os quais muito frequentemente abicavam ao Rio de Janeiro.”

luisbitencourtart

Vieira Fazenda ao visitar o Pão de Açúcar:

“Se do Corcovado a vista abrange maior horizonte, o Pão de Açúcar leva-lhe vantagem. Sem binóculo a gente com facilidade localiza os pontos que deseja ver: sinuosidades das praias, direção das ruas e avenidas, estabelecimentos públicos, tudo enfim com prazer e entusiasmo e sem produzir cansaço nos órgãos de visão.

Fica-se mudo e quedo diante de tanta magnitude, principalmente em dias como o 14 de Julho de 1913, luminoso, claro e vibrante. Como Camões a gente repete:

Melhor é experimentá-lo que julgá-lo.
Mas julgue quem não pode experimentar!”

(Vieira Fazenda no livro Antiqualhas e Memórias do Rio de Janeiro, 20 de julho de 1913)

Charles Landseer, Vista do Pão de Açúcar tomada da Estrada do Silvestre, 1827, óleo sobre tela