Campanha ‘We Love Cities’ avalia emissão de carbono em cidades do Brasil

bike-rio

Começou esta semana e vai até o dia 19 de junho a campanha We Love Cities (Nós Amamos as Cidades). Trata-se de uma votação popular para reconhecer entre as três finalistas de cada país participante do Desafio das Cidades aquela com melhores exemplos e ações rumo a uma economia de baixo carbono. Ao todo, 45 cidades de 20 países demonstraram, no ciclo 2015/2016 da campanha, atividades de transição para um futuro sustentável. No Brasil, as cidades concorrentes são Belo Horizonte, Recife e Rio de Janeiro, que venceram outros sete municípios na primeira fase do Desafio.

Um júri especializado é responsável por indicar a Capital Nacional de cada uma das 20 nações representadas no concurso, além de reconhecer a Capital Global da Hora do Planeta, o que acontecerá durante uma cerimônia em Quito, no Equador, no mês de outubro.

emissao_co2
Além de votar na cidade que melhor representa seus próprios anseios de um futuro com clima mais ameno para o planeta, a população também pode deixar seus comentários e sugestões de novos planos e metas sustentáveis para as prefeituras na plataforma “Nós Amamos as Cidades”. Durante a campanha de 2014/2015, foram mais de 11 mil dicas e propostas, algumas bem elaboradas.

Basicamente, o site e as mídias sociais da campanha “Nós Amamos as Cidades” querem inspirar e aumentar o conhecimento sobre o progresso sustentável atingido por algumas cidades no Brasil e no mundo, além de celebrar, votar e sensibilizar as prefeituras com sugestões.  Também é objetivo do esquema de comunicação da campanha premiar as comunidades e estreitar sua relação com o poder público. O recado é o de que todos são vencedores ao atingir resultados positivos nas políticas voltadas à redução das emissões de carbono, destinação final de resíduos sólidos, energia, entre outras.

A cidade com o maior número de interações baseado no tamanho da população vence a campanha. Entre as possíveis interações, estão tweetes, instagram e facebook com a hashtag de cada candidata, o voto na plataforma “Nós Amamos as Cidades” e o envio de sugestões às prefeituras.

geral_2

Informações: WWF Brasil